Diversificação é aposta para mercado de delivery na internet

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Por Luisa Dias

Novos parceiros e investimentos levam startup especializada a buscar ampliação e liderança de mercado do Centro-Oeste

Com perspectiva de 100% crescimento, o mercado de delivery on-line brasileiro está em franca expansão. De olho nesta fatia de negócios, a startup goiana Entregaweb, especializada nesta área, busca a ampliação e a liderança de mercado no Centro-Oeste. A estratégia é oferecer aos clientes virtuais do portal, que fazem pedidos via mobile e pelo computador, uma maior diversidade de produtos, que vão desde uma refeição balanceada até a bebida do momento.

Lançado há mais de um ano, o projeto ganhou reforço com a aquisição da concorrente Ligons, portal de entregas com atuação em Goiânia. Com a operação, concretizada no mês de abril, o site, que já conta com mais de 12 mil usuários e uma média de 6 mil pedidos mensais, deve chegar a 18 mil clientes e mais de 80 parceiros. Entre as novidades estão a rede de comida japonesa Max Sushi, líder de mercado, e a bebida Fiu-Fiu, lançamento nacional e que terá venda exclusiva no portal pela internet.

Em funcionamento em Goiânia e Anápolis, a empresa chegará a Brasília ainda neste semestre e, nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, até o final do ano.  A expectativa, segundo o executivo do grupo, Celso Brandão, é aumentar em 40% o volume de pedidos feitos por mês, com a conquista dos clientes da empresa adquirida.

As novidades atendem a expectativa do público consumidor. Segundo pesquisa realizada pelo instituto norte-americano Nielsen com 28 mil pessoas, em 56 países, a intenção dos consumidores de comprar alimentos e bebidas on-line aumentou 44% nos últimos dois anos. Com o acréscimo, 26% de todos os entrevistados já planejam utilizar esse tipo de serviço nos próximos seis meses por meio de um dispositivo com acesso à web.

 Como funciona

O Entregaweb é uma empresa on-line que facilita as compras do dia-a-dia do usuário e, além do site, disponibiliza aplicativos para smartphones que utilizam os sistemas Androids e IOS. O delivery on-line goiano ainda é um dos primeiros a oferecer opção de pagamento com cartão de crédito por celular.

O site possibilita que muitas empresas, algumas ainda fora da internet, possam oferecer seus produtos por meio de uma plataforma única e sem investimento extra. Além disso, permite que uma gama maior de clientes seja atingida, e sistematiza os pedidos de forma rápida e eficiente. A entrega dos produtos é feita pelo próprio estabelecimento.

“PLAZA MAYOR EVENTOS”

terça-feira, 29 de abril de 2014

Por Carlos Eduardo Faria

Nesta terça, dia 29 de abril, Goiânia receberá mais uma opção de espaço para realização de grandes eventos privados. O segmento de festas agora conta com o Plaza Mayor Eventos, um complexo de 25 mil metros quadrados de área, divididos em jardins com obras de arte sacras, salão de festas com inspiração colonial hispânica para 550 convidados sentados entre sua planta térrea e mezaninos.

Na inauguração, harpista e orquestra recepcionarão os convidados. DJ Alfredo (da empresa Inside) anima a noite e 3 grandes bufês goianos assinam o menu: Buffet Accontece + Buffet Imperial + Patrícia Xavier Buffet. São esperados clientes que já estão na agenda do local, fornecedores de eventos e formadores de opinião.

O local conta ainda com 162 vagas de estacionamento interno, capela em inspiração arte decó para 350 pessoas com estrutura externa para orquestra, heliporto, jardim suspenso iluminado com lagoa artificial em estilo neoclássico e gazebos para apreciação do complexo.

Além da estrutura incomparável (veja fotos em anexo), o Complexo Plaza Mayor Eventos está situado aos pés da Serra das Areias, reserva ambiental preservada pelo Governo do Estado no município de Aparecida de Goiânia.
Seu slogan é paixão e arte, pois a mescla de arte, natureza e romantismo são de fato o que transformam este local em área exclusiva para realização de sonhos de famílias especiais. 

“Soul Pub” - Inauguração dia 29/04!

Soul Pub abre suas portas com o show "Nasi é IRA"
Por Carlos Eduardo Faria

As empresárias Denizy Ferreira e Thatiana Rangel têm o prazer de lhe convidar para abertura do “Soul Pub”, nesta quarta-feira, dia 30 de abril, no St. Marista. O nome “Soul Pub” veio da paixão das empresárias pela música, nas suas mais variadas vertentes.

O Pub tem capacidade para 300 pessoas e será aberto ao público, com show de "Nasi é IRA" e Dj´s residentes “Negão” e Fernando. O projeto da casa remete aos Pubs norte-americanos, contando ainda com um antiquário, expondo e vendendo peças especiais.


FUNCIONAMENTO

O Soul Pub abrirá todos os dias a partir das 16h, até o último cliente. Haverá promoção de dobradinhas no happy-hour das 16h às 20h. Aos sábados e domingos o Soul Pub abre ao meio dia.

No cardápio da casa, drinks diferenciados e uma diversidade de bebidas nacionais/importadas, além de um menu especial assinado pelos chefes de cozinha, o goiano Marluz Gonçalvez e o espanhol, Leandro Vivancos. Eles elaboraram os“montaditos”, um petisco com diversos recheios, ideal para acompanhar uma boa bebida no Pub.


BILHETERIA

O Pub não cobrará entrada nos dias em que houver sonorização com os Dj´s residentes. Haverá couvert somente em dias de Show ao vivo e atrações de Stand Up. Uma vez ao mês, haverá o projeto “Soul Eu”, onde os artistas locais ou mesmo freqüentadores da casa poderão mostrar o seu talento.

  

SERVIÇO:

“Soul Pub”

Aberto ao público no dia 30/04/14, com show do "Nasi é IRA".
Ingressos antecipados: R$ 130 na bilheteria do Pub.
Camarotes: Informações na recepção do Pub.


Endereço: Soul Pub – Rua 146, nº 338, St. Marista (próximo ao “Piquiras”), Fone: 3281-9147
Funcionamento: Todos os dias, 16h até o último cliente, Aos sábados e domingo o Soul Pub às 12h.


Splendore Collezzione: Estilista Fernando Peixoto lança coleção de noivas Inverno 2014 em Goiânia

Fernando Peixoto e  vestidos Splendore Collezzione 
Por Bastidores Comunicação

No dia 23 de abril, o estilista goiano Fernando Peixoto lançou uma coleção exclusiva de vestidos de noiva para a temporada Inverno 2014 intitulada “Splendore Colezzione”. O lançamento aconteceu durante um elegante desfile acompanhado por cerca de 1.000 convidados que foi realizado no Oliveira’s Place, em Goiânia. Na passarela, modelos desfilaram 19 vestidos finamente costurados com bordados, rendas, flores, laços e drapeados. Cada look compôs uma noiva diferente: sofisticada, tradicional, romântica, clássica, diáfana. Vestidos apropriados para casamentos à noite ou para o dia, com cauda e véu ou sequinhos, corpo estruturado ou criações ousadas com bolsos laterais.

O estilista, que possui ateliês em Goiânia e Brasília e que atende noivas de todo o país, buscou inspiração na Itália e, pela primeira vez, fotografou o catálogo da coleção fora do país. Emoldurados por cenários idílicos como o Coliseu em Roma, paisagens da Toscana ou o Lago de Como, os vestidos traduzem o sonho feminino em tecidos e rendas nobres. O traço de Peixoto combina a riqueza de bordados e aplicações com a sutileza da composição final. As noivas parecem flutuar em nuvens de tules aplicados na saia sereia; ou então surgem etéreas, envoltas em fina seda bordada e delicado véu como asas de fada. Outras parecem estar em pinturas clássicas com seus modelos de laço na cintura, saia rodada e fita nos cabelos - lembram musas de cor branca, reflexos de luz e brilho.

Para compor a coleção, o estilista apostou na solidez do clássico e na leveza da arte e da arquitetura romanas. Florença entrou com o sopro da arte e da poesia, enquanto a Toscana influenciou com o toque da simplicidade sublime. Corpo marcado e saias em linha A, corte sereia ou volumes de renda e tule. Um delicado trabalho de renda sobre transparência do tule ilusion (cor da pele) fazem os bordados “flutuarem” sobre o corpo da noiva. Fernando Peixoto também não abre mão da nobreza das rendas francesas nas cores branco e off white, dos bordados com cristais Swarovski, vidrilhos e pérolas. A zibeline de seda, com sua maciez, brilho e caimento perfeitos, é o tecido mais explorado em toda a coleção.

Objeto de desejo - O vestido de noiva ainda carrega no século 21 a aura do simbolismo de uma decisão que pretende ser única e inesquecível na vida da mulher. “Vou usá-lo apenas uma vez em toda minha vida e será no dia 22 de novembro de 2014. É assim que sempre sonhei. Por isso, meu vestido tem que ser maravilhoso, tem que ser perfeito”, declara a empresária Luciana Fries, 27 anos, de Mineiros. Após 11 anos de relacionamento com o agrônomo Marcelo Duarte, ela vai caminhar até o altar para selar a união. E já decidiu: vai ficar vestida de noiva durante toda a festa, aproveitando ao máximo o momento. Assinado por Fernando Peixoto – que também foi o responsável pelo vestido de debutante –, o modelo de Luciana será todo em renda e terá uma calda de dois metros.  

A advogada Monalisa Nadagi saiu de Anápolis para conferir o desfile e, no final do evento, apanhou um dos buquês atirado pelas modelos. Com casamento marcado para o dia 04 de outubro, a advogada apaixonou-se por um vestido com decote ombro a ombro, todo bordado em renda e minúsculos cristais. “Lindo, muito lindo”, suspira. Já a cerimonialista Nádia Ximenes compareceu ao desfile juntamente com oito clientes, todas noivas. Em grupo, as moças compartilhavam as impressões e opinavam sobre os modelos com muitas referências na cabeça. “Procuro ajudá-las nessa missão que é escolher o vestido que vai marcar suas vidas. O vestido de noiva é, sem dúvida é o elemento central da cerimônia. Todas querem provocar admiração quando a porta da igreja se abrir”, diz a cerimonialista.

Sobre o estilista Fernando Peixoto - Fernando Peixoto lança anualmente sua coleção de Inverno em Goiânia para todo Brasil. Com uma equipe de 60 funcionários, Fernando Peixoto comanda seu atelier em Goiânia desde 1996 em sociedade com a irmã, Elisângela Eterna. A loja é especializada na comercialização e locação de vestidos de noivas, damas de honra, debutantes e festas. Há 12 anos, inaugurou sua maison em Brasília. Herdou da mãe a paixão por roupas e iniciou carreira na alta costura ainda adolescente. Formado em Design de Moda pela Universidade Federal de Goiás, o estilista sempre se atualiza em cursos especiais de moda contemporânea no Brasil e também na Europa.

A EXPOSIÇÃO DE MANDALAS EM AREIA E PEDRAS SEMI PRECIOSAS NA JL INTERIORES.

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Em novembro do ano passado, o Apresentador do Programa Maçonaria em Foco e Artista Plástico Aparício Donizet, realizou a primeira exposição de suas obras na JL Interiores.  Como não poderia deixar de prestigiar esse meu grande amigo, estive presente e pude comentar aqui um pouco sobre o vernissagem, http://patriciafinottiopiniao.blogspot.com.br/2013/12/a-exposicao-de-mandalas-em-areia-e.html

A exposição ganhou destaque também no programa, confira mais sobre o evento

Promoção Dia das Mães by Gabriella Oliveira Fotografias


Festa a Fantasia por Arroz de Fyesta

Confira a super cobertura da Festa a Fantasia 2014 pelo Arroz de Fyesta, através do repórter por um dia, o cantor Diego Falk.



1973 – O Ano que Reinventou a MPB: Um livro e muita música boa

domingo, 27 de abril de 2014

Por Paulo Fernandes para rockontro.com




livro “1973 – O Ano que Reinventou a MPB” traça um perfilpor intermédio dos grandes lançamentos fonográficos daquele anoda mudança de rumo da MPB (Música Popular Brasileira)que se consolidou no ano de 1973.


O disco de estreia da carreira solo de Raul Seixas“Krig-haBandolo!”, marco fundamental do rock nacional.


Além, e antes, de descrever cada um dos discos o livro faz uma contextualização histórica daquele períodoafinal vivíamos num dos momentos mais duros da ditadura militaros tempos do “Brasil:Ame-o ou Deixe-o”da censura radical e do propalado “Milagre Econômico”.

“Calabar, O Elogio da Traição” de Chico Buarque.
Por problemas com a censura teve várias de suas letras proibidas e o nome mudado para “Chico Canta”



eterno tropicalista Tom  driblou a censura com o seu “Todos os Olhos”
(afinal era ou não era o close de um terceiro olho na capa?).


Para além da Bossa Nova, do Tropicalismo e da Jovem Guarda, a música brasileira se diversificou em cores, sabores e estilos, o que pode ser constatado na grande quantidade de lançamentos de qualidade daquele ano especial.

“Ou Não” de Walter Franco. Havia espaço até para experimentalismos musicais mais radicais.
essa não foia única mosca a pousar na MPB em 1973.


livro é composto por vários textosescritos por importantes figuras ligadas à músicaonde cada um trata de um álbum essencial para a MPB. O projeto teve organização geral do jornalista CélioAlbuquerque.

excelente álbum homônimo de estreia dos Secos & Molhados é de 1973.


E o rock se faz presente nessa lista de preciosidades com trabalhos de BolhaRaul SeixasSá Rodrix & GuarabyraNovos BaianosSecos & MolhadosSom ImaginárioTerçoentre outros.

Richard Strauss e rock-funk-jazz da melhor qualidade no “Prelude” de Eumir Deodato.


Leitura fundamental!!!

Estreia de Luiz Melodia em “Pérola Negra”


Talvez o melhor disco de Fagner“Manera Fru FruManera”.
Poema de Cecília Meirelesna música "Canteiros", não creditado  causou modificações posteriores no álbum.


Álbuns destacados no livro:

“Phono 73, O Canto de Um Povo” -  Diversos artistas
“Um Passo à Frente” -  A Bolha
“Antonio Marcos” -  Antonio Marcos
“Canto Por Um Novo Dia” -  Beth Carvalho
“Beto Guedes / Danilo Caymmi / Novelli / Toninho Horta” - Beto GuedesDanilo CaymmiNovelli eToninho Horta
“Araçá Azul” -  Caetano Veloso
“Chico Canta (Calabar, O Elogio da Traição)” -  Chico Buarque
“Clara Nunes” -  Clara Nunes
“Marinheiro Só” -  Clementina de Jesus
“Edu Lobo” -  Edu Lobo
“Elis” -  Elis Regina
“Élton Medeiros” -  Élton Medeiros
“Sambas de Enredo” - Escolas de Samba do Grupo 1
“Prelude” - Eumir Deodato
“Manera Fru FruManera” -  Raimundo Fagner
“Francis Hime” -  Francis Hime
“Índia” -  Gal Costa
“Guilherme Lamounier” -  Guilherme Lamounier
“A Música Livre de Hermeto Paschoal” -  Hermeto Paschoal
“João Bosco” -  João Bosco
“Quem é Quem” -  João Donato
“João Gilberto” -  João Gilberto
“Satwa” - Lula Côrtes e Lailson
“Marconi Notaro no sub-reino dos protozoários” -  Marconi Notaro
“Luiz Gonzaga Jr.” -  Gonzaguinha
“Pérola Negra” -  Luiz Melodia
“Previsão do Tempo” -  Marcos Valle
“Drama 3º Ato” -  Maria Bethania
“Origens” -  Martinho da Vila
“Milagre dos Peixes” -  Milton Nascimento
“Amazonas” - Nana Vasconcelos
“Nelson Cavaquinho” -  Nelson Cavaquinho
“Novos Baianos F. C” -  Novos Baianos
“Odair José” -  Odair José
“Nervos de Aço” -  Paulinho da Viola
“Meu CorpoMinha EmbalagemTodo Gasto na Viagem” -  Pessoal do CearáEdnardo, Rodger eTetty
“Krig-háBandolo!” -  Raul Seixas
“Terra” -  Rodrix e Guarabyra
“Secos & Molhados” -  Secos & Molhados
“Piri, Fred, Cássio, Franklin e Paulinho Camafeu com Sérgio Ricardo” -  Sérgio Ricardo
“Eu Quero Botar Meu Bloco na Rua” -  Sérgio Sampaio
“Matança do Porco” -  Som Imaginário
“Fotografias” -  Taiguara
“Terço” -  Terço
“Tim Maia” -  Tim Maia
“Matita Perê” -  Tom Jobim
“Todos os Olhos” -  Tom 
“O Bem Amado (trilha sonora)” -  Toquinho e Vinicius
“Ou Não” -  Walter Franco
“1º Acto” -   Rodrix